Oceanos

Os oceanos recobrem cerca de 70% de nosso planeta e é neles que as mais relevantes batalhas internacionais pela conservação da biodiversidade estão sendo travadas nessa primeira metade do século XXI. O conhecimento científico relativamente pequeno que a humanidade tem dos ecossistemas marinhos não impediu que os destruíssemos de maneira acelerada, seja pela pesca industrial sem qualquer controle e com níveis inaceitáveis de "capturas incidentais" de espécies sem valor comercial, seja pela poluição por produtos químicos e rejeitos orgânicos, ou ainda pela alteração climática global que está acelerando a acidificação da água do mar em todo o globo, ameaçando destruir completamente ecossistemas inteiros como os recifes de coral.


O Instituto Augusto Carneiro conta em seus quadros com um dos ativistas ambientais brasileiros de mais ampla e duradoura atuação nos temas de conservação marinha, seu Vice-Presidente José Truda Palazzo Jr., que durante duas décadas atuou como representante oficial do Brasil junto a diversos tratados internacionais relevantes e hoje representa o Instituto nas principais campanhas e iniciativas na temática. O instituto esteve ainda presente na Conferência Rio+20 defendendo um tratamento mais urgente dos temas marinhos na agenda das Nações Unidas.

O Instituto atua ainda como parceiro e apoiador de iniciativas específicas para a conservação de espécies marinhas ameaçadas, como o Projeto Baleias do Rio Grande do Sul e a campanha internacional Divers for Sharks - Mergulhadores pelos Tubarões.